Pular para o conteúdo principal

Rosana do Sinteac diz ter “vergonha na cara” e afirma que vai se desfiliar do PT nesta sexta

Rosana do Sinteac diz ter “vergonha na cara” e afirma que vai se desfiliar do PT nesta sexta

Da redação ac24horas13/08/2015 13:28:56
DDA greve de professores e servidores da educação tem dia e hora para acabar, mas deixará marcas difíceis de serem apagadas até mesmo pelo tempo. Uma dessas marcas, histórica e negativa, será do governador Sebastião Viana (PT). A maior greve da história do estado do Acre será a de sua gestão, 63 dias, superando a da gestão do então governador Orlei Cameli.
O Partido dos Trabalhadores (PT) também sofrerá com os efeitos da intransigência e da falta de “jogo de cintura” de Sebastião e de seus comandados quando deixaram de negociar para ameaçar a categoria. Uma campanha de desfiliação em massa está sendo preparada para os próximos dias. Estima-se que cerca de 800 a 900 professores e servidores da educação deixem as fileiras do partido da estrela vermelha. Somente em Brasileia, pouco mais de 100 profissionais já declararam a vontade de deixar o partido.
A presidente do Sinteac, Rosana Nascimento afirmou na manhã desta quinta-feira (13), que amanhã (sexta-feira, 14) estará entregando o seu pedido de desfiliação do PT.
“Eu tenho vergonha na cara, não posso continuar em um partido que se diz dos trabalhadores e que não respeita os seus princípios, não respeita o direito dos trabalhadores, não respeita os professores, trata toda uma categoria com descaso, desrespeito e com ameaças e torturas psicológicas. Não posso e nem vou compactuar com esse tipo de atitude do governador do Acre e nem vou levar uma bofetada no rosto e virar a outra face, por isso amanhã mesmo estarei me desfiliando do PT”, afirmou a sindicalista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

POR ONDE ANDA ?BARROS DE ALENCAR

BARROS DE ALENCAR POR ONDE ANDA ? Atualmente está participando do programa Kaká Siqueira na Rádio Record AM (1.000 kHz - São Paulo/SP), onde apresenta o quadro "Momento Barros de Alencar". BREVE HISTÓRICO: Comunicador, radialista, cantor e apresentador de TV. Paraíbano da cidade de Uiraúna, nasceu no dia 5 de agosto. Começou na Rádio Borburema, em Campina Grande - PB. Depois passou por Recife, Fortaleza e Belo Horizonte até chegar a cidade de São Paulo. Na Capital paulista passou pela antiga Rádio Tupi de São Paulo, Record e América. Na década de 80, comandou seu programa na TV Record, levando ao ar os grande sucessos musicais da época.

Povos indígenas no estado de Rondônia, fotos inéditas dos índios isolados do Acre

Povos indígenas no estado de Rondônia
Aikanã, Ajuru, Amondawa, Arara, Arikapu, Ariken, Aruá, Cinta Larga, Gavião, Jabuti, Kanoê, Karipuna, Karitiana, Kaxarari, Koiaiá, Kujubim, Makuráp, Mekén, Mutum, Nambikwara, Pakaanova, Paumelenho, Sakurabiat, Suruí, Tupari, Uru Eu Wau Wau, Urubu, Urupá
1-Povo Uru-Eu-Wau-Wau
A população da Terra indígena Uru-Eu-Wau-Wau é composta por vários subgrupos, como: Jupaú, Amondawa e Uru Pa In. Encontram-se distribuídos em 6 aldeias, nos limites da Terra Indígena, por questões de proteção e vigilância. Além destas etnias, há presença de índios isolados como os Parakuara e os Jurureís.
Os Jupaú traduzem sua autodenominação como "os que usam jenipapo". A denominação "Uru-eu-wau-wau" foi dada aos Jupaú pelos índios Oro-Uari.
Muitos foram os nomes atribuídos aos Uru-Eu-Wau-Wau. As denominações Bocas-Negras, Bocas-Pretas, Cautários, Sotérios, Cabeça-Vermelha, são encontradas na historiografia e estão relacionadas ao espaço geográfico ou a se…

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES EM MANAUS Portal do Holanda