Pular para o conteúdo principal

Argentina é uma Terra de boa gente

10 coisas que eu amo na Argentina

Este post também está disponível em: Inglês

1. Comidas Deliciosas

argentinefood
“Bife de Chorizo” by aprillynn77 is licensed under CC BY 2.0
Apesar de poucos ítens alimentícios—como o doce de leite, alfajores, sanduíches de miga e o molho chimichurri—serem considerados tipicamente argentinos, o país ainda assim consegue ter uma das melhores culinárias do mundo.
O segredo para ter comidas tão deliciosas não está relacionado aos pratos em si—que muitas vezes se parecem com os pratos italianos, espanhóis e franceses—mas sim à qualidade dos ingredientes usados (laticínios e carnes de alta qualidade), ao modo de preparo (geralmente de forma artesanal) e ao modo de cozimento (as carnes são freqüentemente cozinhadas em parrilhas).
Obs.: NUNCA volte de uma viagem à Argentina sem ter comido uma bola (ou um quilo! hehe) dos deliciosos e espessos sorvetes artesanais da sorveteria Freddo.

2. Língua

argentinidad
“Argentinidad” by morrissey is licensed under CC BY 2.0
Você deve estar pensando: “Eles falam espanhol, grande coisa!” E eu te digo que você está muito enganado! hehe
Os argentinos falam um dos mais distintos espanhóis entre os falantes nativos da língua espanhola—o espanhol argentino é ainda mais bonito que o espanhol da Espanha (shhh! Não conte aos meus amigos espanhóis que eu falei isso! hahaha).
O sotaque argentino soa muito como o italiano e a gramática também é um pouco peculiar. Uma das características mais famosas do espanhol argentino é o uso do pronome pessoal vos (você) ao invés do  (você). Outro aspecto notável do sotaque argentino é o som de “ch” (ou “j” em algumas partes do país). A palavra yo (eu), por exemplo, é pronunciada como “cho” e pollo (frango) como “pocho.”
Algumas palavras (cheboludoquilombo), gírias (cara rotamira vos) e expressões idiomáticas (ni en pedo) também são importantes símbolos de la argentinidad.

3. Gestos

"Mirta06" by Fernando Carrizo is licensed under CC BY 2.0
“Mirta06” by Fótica / Estudio Fotográfico & Diseño is licensed under CC BY 2.0
A grande quantidade de italianos que emigrou para a Argentina no final do século XIX e inicio do século XX não só influenciou a maneira de falar dos Argentinos, como também a maneira de gesticular. Algumas pessoas afirmam brincando que é possível “falar” italiano sem ter que falar uma palavra sequer. Eu te digo que o mesmo se aplica ao espanhol argentino.
Os italianos e os argentinos gesticulam de uma maneira muito parecida. Os gestos usados por eles podem dar ênfase ao que estão falando, expressar emoções ou até mesmo transmitir idéias completas!

4. Vida Noturna

"Avenida de Mayo at the end of the night" by blmurch is licensed under CC BY 2.0
“Avenida de Mayo at the end of the night” by blmurch is licensed under CC BY 2.0
Como uma pessoa que dorme muito tarde, eu amo o fato das cidades argentinas serem tão vibrantes durante a noite. A maioria dos argentinos jantam às 9 da noite ou mais tarde. A maiorias das boates argentinas só abrem por volta da meia noite, enchem por volta das 2 da manhã e fecham por volta das 7.

5. Cultura Teatral

"Main Auditorium Teatro Colón" by Roger Schultz is licensed by CC BY 2.0
“Main Auditorium Teatro Colón” by Roger Schultz is licensed under CC BY 2.0
Buenos Aires é considerada uma das grandes capitais mundiais do teatro e possui a sua própria (e ainda melhor) versão da Broadway em Nova York. A avenida Corrientes é o coração do distrito teatral da capital Argentina.
A variedade de shows e musicais que se pode assistir durante todo o ano na Argentina é de impressionar. Enquanto a maioria das companhias teatrais apresentam suas peças em Buenos Aires durante quase o ano todo, muitas delas vão para Mar del Plata durante a temporada de verão.

6. Músicas

tango
“Tango” by René Mayorga is licensed under CC BY-SA 2.0
O tango é, sem dúvida nenhuma, um dos melhores tesouros argentinos. No entanto, o cenário musical argentino vai muito além do tango. O país também tem bandas excelentes de ska e rock, como Los Auténticos Decadentes e Los Enanitos Verdes.

7. Bebidas

mate
“Mate” by Bryan Pocius is licensed under CC BY 2.0
O mate é a bebida nacional argentina. Alguns descrevem o mate como tendo “a intensidade do café, os benefícios do chá e a euforia do chocolate em uma única bebida.” O que poderia ser melhor que isso?
O vinho.
A Argentina é um dos maiores produtores de vinho do mundo e o seu Malbec é excepcional.

8. Rodovias

ruta 2
By Gastón Cuello licensed under CC BY-SA 3.0 via Wikimedia Commons
Muita gente pensa que a maioria das rodovias na América do Sul são muito mal conservadas—o que é verdade—mas as principais rodovias argentinas são exceções. A Ruta 2 (Autovia 2), por exemplo, é uma auto-estrada duplicada e muito bem conservada que liga Buenos Aires a Mar del Plata. Da próxima vez que você for à Argentina, não hesite em alugar um carro e explorar outras partes do país.

9. Largas Avenidas

9 de julio new
“Don’t try this at home” by PhillipC licensed under CC BY 2.0
Buenos Aires tem algumas das avenidas mais largas do mundo. A avenida 9 de Julio e a Libertador são duas das minhas favoritas. A 9 de Julio, por exemplo, pode ter até 7 pistas de cada lado. Isso não é incrível?

10. Susana Giménez

Eu não poderia terminar esta lista sem mencionar uma das mais importantes divas da televisão Argentina. Susana Giménez é para a Argentina o que a Oprah é para os Estados Unidos ou o que a Hebe foi para o Brasil. O programa dela é um dos mais duradouros e mais assistidos da história da televisão Argentina.
Quando você assiste o programa da Susana, você sente como se estivesse sentado numa sala de estar, não só pela aparência do estúdio—que realmente parece uma sala de estar, no estilo do programa da Hebe—mas também pela maneira casual com que ela entrevista seus convidados. Além de ser uma das pessoas mais engraçadas da televisão Argentina, eu simplesmente amo o jeito que ela fala, prolongando os sons das vogais e da letra R:
Diviiiiiiiiiiiiiiiino!”
Barrrrrrrrrrrrbaro!”
Ficou curioso(a) para saber como é o programa? Assista o trecho de um dos programas em que ela entrevista a ex-namorada do Maradona e conta como ele ficou com ciúmes quando ela entrevistou o Pelé! hehehe Repare também em como ela “fala” com as mãos.
O que você ama na Argentina?
Infelizmente, perdi todas as curtidas, compartilhadas e comentários dos posts em português quando mudei de servidor :( Então, se você gostou do que leu, curta, compatilhe e deixe o seu comentário! :) Obrigada!
About the Author: Juliana Selem é globalista por formação (UCLA) e viajante por opção. Brasileira, casada com um argentino, ela vive nos Estados Unidos há 6 anos. Já morou em 5 países e ama se inserir em diferentes culturas até se sentir como uma residente local. Para saber mais sobre a Juliana, clique aqui. Conecte-se com ela no Twitter, G+, Instagram ou Facebook. .

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

POR ONDE ANDA ?BARROS DE ALENCAR

BARROS DE ALENCAR POR ONDE ANDA ? Atualmente está participando do programa Kaká Siqueira na Rádio Record AM (1.000 kHz - São Paulo/SP), onde apresenta o quadro "Momento Barros de Alencar". BREVE HISTÓRICO: Comunicador, radialista, cantor e apresentador de TV. Paraíbano da cidade de Uiraúna, nasceu no dia 5 de agosto. Começou na Rádio Borburema, em Campina Grande - PB. Depois passou por Recife, Fortaleza e Belo Horizonte até chegar a cidade de São Paulo. Na Capital paulista passou pela antiga Rádio Tupi de São Paulo, Record e América. Na década de 80, comandou seu programa na TV Record, levando ao ar os grande sucessos musicais da época.

Povos indígenas no estado de Rondônia, fotos inéditas dos índios isolados do Acre

Povos indígenas no estado de Rondônia
Aikanã, Ajuru, Amondawa, Arara, Arikapu, Ariken, Aruá, Cinta Larga, Gavião, Jabuti, Kanoê, Karipuna, Karitiana, Kaxarari, Koiaiá, Kujubim, Makuráp, Mekén, Mutum, Nambikwara, Pakaanova, Paumelenho, Sakurabiat, Suruí, Tupari, Uru Eu Wau Wau, Urubu, Urupá
1-Povo Uru-Eu-Wau-Wau
A população da Terra indígena Uru-Eu-Wau-Wau é composta por vários subgrupos, como: Jupaú, Amondawa e Uru Pa In. Encontram-se distribuídos em 6 aldeias, nos limites da Terra Indígena, por questões de proteção e vigilância. Além destas etnias, há presença de índios isolados como os Parakuara e os Jurureís.
Os Jupaú traduzem sua autodenominação como "os que usam jenipapo". A denominação "Uru-eu-wau-wau" foi dada aos Jupaú pelos índios Oro-Uari.
Muitos foram os nomes atribuídos aos Uru-Eu-Wau-Wau. As denominações Bocas-Negras, Bocas-Pretas, Cautários, Sotérios, Cabeça-Vermelha, são encontradas na historiografia e estão relacionadas ao espaço geográfico ou a se…

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES EM MANAUS Portal do Holanda