Pular para o conteúdo principal

JOVEM DE 19 ANOS LEVA SETE FACADAS EM BALNEÁRIO

JOVEM DE 19 ANOS LEVA SETE FACADAS EM BALNEÁRIO

O fato aconteceu na noite deste domingo (22) na casa de festas Balneário Ouro Verde, localizado no bairro Quixadá, em Rio Branco. A vítima, Luana Aragão da Silva, de  19 anos, foi ferida com pelo menos sete facadas e está em estado grave.
De acordo com o coletado pela polícia,  Luana se envolveu em uma briga com duas mulheres. Durante as vias de fato, uma delas puxou um canivete de dentro da roupa e passou a esfaqueá-la até cair sem mais reações. Em seguida a dupla se evadiu do local.
Luana foi colocada as pressas em um Táxi e está internada no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (HUERB). Ela passou por cirurgia e seu estado é  considerado grave.

Mais informações em instantes

Fonte: Oriobranco.net


Compartilhar Google Plus

Autor Plantão do Acre

Comentários

  1. Assim , se em uma hora dessa tem uma pessoa de fibra por perto ela aparta a briga né que seja na força bruta e tudo terminaria bem ,as vezes tenho é vergonha de ver tais fatos, e pior é ver que as pessoas cruzam os braços ao lado da morte .

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

POR ONDE ANDA ?BARROS DE ALENCAR

BARROS DE ALENCAR POR ONDE ANDA ? Atualmente está participando do programa Kaká Siqueira na Rádio Record AM (1.000 kHz - São Paulo/SP), onde apresenta o quadro "Momento Barros de Alencar". BREVE HISTÓRICO: Comunicador, radialista, cantor e apresentador de TV. Paraíbano da cidade de Uiraúna, nasceu no dia 5 de agosto. Começou na Rádio Borburema, em Campina Grande - PB. Depois passou por Recife, Fortaleza e Belo Horizonte até chegar a cidade de São Paulo. Na Capital paulista passou pela antiga Rádio Tupi de São Paulo, Record e América. Na década de 80, comandou seu programa na TV Record, levando ao ar os grande sucessos musicais da época.

Povos indígenas no estado de Rondônia, fotos inéditas dos índios isolados do Acre

Povos indígenas no estado de Rondônia
Aikanã, Ajuru, Amondawa, Arara, Arikapu, Ariken, Aruá, Cinta Larga, Gavião, Jabuti, Kanoê, Karipuna, Karitiana, Kaxarari, Koiaiá, Kujubim, Makuráp, Mekén, Mutum, Nambikwara, Pakaanova, Paumelenho, Sakurabiat, Suruí, Tupari, Uru Eu Wau Wau, Urubu, Urupá
1-Povo Uru-Eu-Wau-Wau
A população da Terra indígena Uru-Eu-Wau-Wau é composta por vários subgrupos, como: Jupaú, Amondawa e Uru Pa In. Encontram-se distribuídos em 6 aldeias, nos limites da Terra Indígena, por questões de proteção e vigilância. Além destas etnias, há presença de índios isolados como os Parakuara e os Jurureís.
Os Jupaú traduzem sua autodenominação como "os que usam jenipapo". A denominação "Uru-eu-wau-wau" foi dada aos Jupaú pelos índios Oro-Uari.
Muitos foram os nomes atribuídos aos Uru-Eu-Wau-Wau. As denominações Bocas-Negras, Bocas-Pretas, Cautários, Sotérios, Cabeça-Vermelha, são encontradas na historiografia e estão relacionadas ao espaço geográfico ou a se…

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES EM MANAUS Portal do Holanda