Pular para o conteúdo principal

Morre aos 97 anos, em Rio Branco, Orlando Sabino da Costa

Morre aos 97 anos, em Rio Branco, Orlando Sabino da Costa

 ac24horasMorreu na madrugada deste sábado, no Hospital Santa Juliana, Orlando Sabino da Costa, aos 97 anos, vítima de causas naturais. Seu Orlando é pai do ex-deputado Fernando Melo, atual sub-secretário de Agricultura do Estado, e de Orlando Sabino, ex-secretário de Fazenda.
Orlando Sabino da Costa era paraense. Ele completaria 98 anos no próximo dia 05 de junho. Seu corpo é velado na capela Morada da Paz, local onde também será sepultado às 17 horas.
NOTA DE PESAR
Amigos e familiares,
é com  tristeza que comunicamos  o falecimento de nosso pai Orlando Sabino da Costa, de causas naturais.
Estava prestes a completar 98 anos de vida, no próximo dia 05 de junho. Era paraense de nascimento e acreano por opção. Amou nossa terra e foi aqui  no Acre que ele trabalhou, criou e educou todos nós, sete filhos que o terão sempre como líder e exemplo de vida.  Além dos princípios humanitários e éticos que nos ensinou, papai focou na educação formal de sua prole,  indicando a escolaridade como ferramenta de contribuição para uma sociedade mais justa e fraterna. Assim surgiram  professores, médicos, engenheiros e advogados, sempre sob o manto luxuoso de nossa mãe Cely Melo da Costa, que sempre o apoiou. Seus filhos, netos, bisnetos, genros e noras aqui permanecem para contar seu legado e seguir seus ensinamentos.
Nosso pai teve uma passagem confortável, com apoio de amigos e familiares. Fica o registro e nosso agradecimento ao hospital Santa Juliana e a Unimed, bem como a todos os médicos e corpo de enfermagem que o assistiram.
Agradecemos também ao trabalho e amor das senhoras  Ada e Francisca, pessoas queridas que também sofrem com sua partida.
Obrigado ao povo do Acre que acolheu desde 1948 esse paraense aqui chegado.
Silene Melo da Costa
Sérvulo Melo da Costa
Orlando Sabino da Costa Filho
Fernando Melo da Costa
Antônio Luiz Melo da Costa – In
memorian
Décio Sebastião Melo da Costa
Joicely Melo da Costa.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

POR ONDE ANDA ?BARROS DE ALENCAR

BARROS DE ALENCAR POR ONDE ANDA ? Atualmente está participando do programa Kaká Siqueira na Rádio Record AM (1.000 kHz - São Paulo/SP), onde apresenta o quadro "Momento Barros de Alencar". BREVE HISTÓRICO: Comunicador, radialista, cantor e apresentador de TV. Paraíbano da cidade de Uiraúna, nasceu no dia 5 de agosto. Começou na Rádio Borburema, em Campina Grande - PB. Depois passou por Recife, Fortaleza e Belo Horizonte até chegar a cidade de São Paulo. Na Capital paulista passou pela antiga Rádio Tupi de São Paulo, Record e América. Na década de 80, comandou seu programa na TV Record, levando ao ar os grande sucessos musicais da época.

Povos indígenas no estado de Rondônia, fotos inéditas dos índios isolados do Acre

Povos indígenas no estado de Rondônia
Aikanã, Ajuru, Amondawa, Arara, Arikapu, Ariken, Aruá, Cinta Larga, Gavião, Jabuti, Kanoê, Karipuna, Karitiana, Kaxarari, Koiaiá, Kujubim, Makuráp, Mekén, Mutum, Nambikwara, Pakaanova, Paumelenho, Sakurabiat, Suruí, Tupari, Uru Eu Wau Wau, Urubu, Urupá
1-Povo Uru-Eu-Wau-Wau
A população da Terra indígena Uru-Eu-Wau-Wau é composta por vários subgrupos, como: Jupaú, Amondawa e Uru Pa In. Encontram-se distribuídos em 6 aldeias, nos limites da Terra Indígena, por questões de proteção e vigilância. Além destas etnias, há presença de índios isolados como os Parakuara e os Jurureís.
Os Jupaú traduzem sua autodenominação como "os que usam jenipapo". A denominação "Uru-eu-wau-wau" foi dada aos Jupaú pelos índios Oro-Uari.
Muitos foram os nomes atribuídos aos Uru-Eu-Wau-Wau. As denominações Bocas-Negras, Bocas-Pretas, Cautários, Sotérios, Cabeça-Vermelha, são encontradas na historiografia e estão relacionadas ao espaço geográfico ou a se…

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES EM MANAUS Portal do Holanda