Pular para o conteúdo principal

Manaus noticias

Corpo encontrado ontem no ramal da Praia Dourada era de advogada criminalista

Mara Inês Ribeiro de Lima foi identificada por uma amiga. O corpo dela estava com uma marca de perfuração de arma branca no pescoço e com os pés amarrados04/08/2016 às 11:42 - Atualizado em 04/08/2016 às 12:20
Show e4a82275 c84e 43ca b61d a5d06616e28a
A mulher estava vestida com uma calça jeans e uma blusa azul (Foto: Reprodução)
Joana QueirozManaus (AM)
Foi identificado como sendo da advogada criminalista Mara Inês Ribeiro de Lima o corpo encontrado na manhã de ontem, quarta-feira (3), em um matagal no início do ramal da Praia Dourada, no bairro Tarumã, Zona Oeste de Manaus.
A identificação foi feita por uma amiga, que preferiu não dar maiores informações. Depois de identificar a advogada no Instituto Médico Legal, a mulher saiu em busca de documentos para registrar o caso na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).
O corpo da advogada criminalista foi encontrado com uma marca de perfuração de arma branca no pescoço, e também estava com os pés amarrados com uma camisa. A mulher estava vestida com uma calça jeans e uma blusa azul.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

POR ONDE ANDA ?BARROS DE ALENCAR

BARROS DE ALENCAR POR ONDE ANDA ? Atualmente está participando do programa Kaká Siqueira na Rádio Record AM (1.000 kHz - São Paulo/SP), onde apresenta o quadro "Momento Barros de Alencar". BREVE HISTÓRICO: Comunicador, radialista, cantor e apresentador de TV. Paraíbano da cidade de Uiraúna, nasceu no dia 5 de agosto. Começou na Rádio Borburema, em Campina Grande - PB. Depois passou por Recife, Fortaleza e Belo Horizonte até chegar a cidade de São Paulo. Na Capital paulista passou pela antiga Rádio Tupi de São Paulo, Record e América. Na década de 80, comandou seu programa na TV Record, levando ao ar os grande sucessos musicais da época.

Povos indígenas no estado de Rondônia, fotos inéditas dos índios isolados do Acre

Povos indígenas no estado de Rondônia
Aikanã, Ajuru, Amondawa, Arara, Arikapu, Ariken, Aruá, Cinta Larga, Gavião, Jabuti, Kanoê, Karipuna, Karitiana, Kaxarari, Koiaiá, Kujubim, Makuráp, Mekén, Mutum, Nambikwara, Pakaanova, Paumelenho, Sakurabiat, Suruí, Tupari, Uru Eu Wau Wau, Urubu, Urupá
1-Povo Uru-Eu-Wau-Wau
A população da Terra indígena Uru-Eu-Wau-Wau é composta por vários subgrupos, como: Jupaú, Amondawa e Uru Pa In. Encontram-se distribuídos em 6 aldeias, nos limites da Terra Indígena, por questões de proteção e vigilância. Além destas etnias, há presença de índios isolados como os Parakuara e os Jurureís.
Os Jupaú traduzem sua autodenominação como "os que usam jenipapo". A denominação "Uru-eu-wau-wau" foi dada aos Jupaú pelos índios Oro-Uari.
Muitos foram os nomes atribuídos aos Uru-Eu-Wau-Wau. As denominações Bocas-Negras, Bocas-Pretas, Cautários, Sotérios, Cabeça-Vermelha, são encontradas na historiografia e estão relacionadas ao espaço geográfico ou a se…

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES

MULHER ENTRA NUA EM CABINE DA PM E CONSTRANGE POLICIAIS MILITARES EM MANAUS Portal do Holanda